Textos sobre literatura na Internet

quarta-feira, novembro 18, 2009





















De modo geral, somos acostumados a ler textos teóricos e reflexivos em sala de aula, mas ainda acredito que haja alguns loucas como nós que se interessam por isso em seus momentos de lazer. Muitos falam mal da internet, mas trago aqui três motivos muitos bons para ficar por aqui. São três textos de pessoas conhecidas da área da literatura que falam sobre o papel que a literatura desempenha na sociedade. 

Em “A importância da leitura para a humanidade”, Mario Vargas Llosa fala sobre os benefícios da leitura de ficção para nossas vidas, nos levando a um mundo muito mais interessante, em que os padrões em que vivemos são destruídos e podemos ser livres. O autor pensa na literatura como uma possibilidade de nos reconhecer como um grupo, observar nossos problemas, que são universais. Além disso, Llosa não deixa de falar sobre o caráter mais prático da leitura: aquisição de vocabulário, ampliação da capacidade de raciocínio e reflexão. Eis um texto que vale a pena ler. 

Em “A literatura contra o efêmero”, Umberto Eco faz uma análise do modo como as pessoas vêem a literatura atualmente e a experiências que ela nos proporciona a cada leitura, a possibilidade que temos, através da leitura de presenciar e experimentar o impossível. A exemplo de Llosa, Eco também fala sobre a utilidade da literatura. Mas há uma utilidade para ela? 

Em “Escritor recomenda romances clássicos aos novos leitores”, Moacir Scliar faz um guia para novos leitores, aqueles que, ao perceberem a necessidade da literatura para suas vidas, não sabe por onde começar ou para aqueles que, tendo já começado, querem recomeçar e ampliar seus conhecimentos sobre a arte. Neste texto, encontramos listas dos 10 clássicos indispensáveis, dos 10 brasileiros indispensáveis e dos 10 clássicos do século XX. Temos aí 30 livros para nossa lista de próximas leituras. 

Tenham uma boa leitura.

Você também pode gostar

0 comentários

Obrigada pela visita! Sua participação é muito importante.

SIGA-ME NO INSTAGRAM: @zildapeixoto