[Resenha] Xadrez, de Fabiane Ribeiro

quinta-feira, fevereiro 02, 2012

Olá,queridos leitores!
Hoje quero compartilhar com vocês a resenha de um livro maravilhoso! Refiro-me ao livro Xadrez de Fabiane Ribeiro, publicado pela editora Multifoco. Convido-lhes a conhecer Xadrez! Vamos lá!

Sinopse: Inglaterra, 1947. A Europa encontra-se devastada pela Segunda Guerra Mundial, assim como o coração de Anny. A garota de oito anos vê seu mundo desmoronar ao receber a notícia de que não poderá mais viver com os pais e terá que se mudar de casa levando pouco mais que seu tabuleiro de xadrez. Tudo parecia um pesadelo, até que surge Pepeu, um jovem misterioso que mudará para sempre a vida de Anny, levando-a a aprender sobre o mundo e a viver momentos emocionantes sem sair dos canteiros de seu pequeno jardim. Ao lado de anjos que são colocados em sua jornada, a doce menina aprende a enfrentar as dificuldades através de lições de abnegação, fé e amor verdadeiro.





Título: Xadrez
Subtítulo: Seu coração está onde estão aqueles que você ama
Autora: Fabiane Ribeiro
Editora: Multifoco
Gênero: Romance (drama)
Ano de Lançamento: 2011
Páginas: 384
Onde comprar: |Site do livro|
Classificação:





Fui apresentada ao livro Xadrez por um convite feito pela própria Fabiane. Sendo assim, resolvi participar do book tour imediatamente, pois já havia me rendido completamente a narrativa da autora, assim que li Corações em Fase Terminal (seu outro livro resenhado aqui no blog).

Sabia que tinha feito a escolha certa e que provavelmente, iria me emocionar bastante. Só que eu não sabia que ao aceitar a proposta para ler Xadrez eu viveria um momento tão inesquecível e fabuloso na minha vida. Espero que eu consiga exprimir em palavras o quanto esse livro é especial.
A partir desse momento, convido-lhes a conhecer e se encantar por Xadrez!
“(...) Não me arrependo de nenhum decisão que tomei, muito menos de algum lágrima que derramei... Arrepender-se é julgar-se. Não posso julgar aquilo que meu coração mais queria. Quando a gente arrisca, a gente perde a razão por uma fração de segundo, mas, quando a gente não arrisca, a gente perde a razão de viver” (pag.239) 
Xadrez narra a estória de Anny, uma menina de 8 anos que vive numa casa muito confortável e luxuosa com seus pais Jeferson e Cindy. Apesar de, todo o luxo e conforto em que Anny vivia, ela não possuía o que mais desejava: a presença de seus pais. Eles viajavam muito, devido ao seu trabalho um tanto misterioso. Anny esperava ansiosamente a chegada dos sábados,pois esse era o único dia em que ela teria a companhia de seus pais.

A narrativa se passa no ano de 1947 no período pós II Guerra Mundial. Durante esse período, muitas crianças ficam órfãs e um clima de incerteza pairava sobre a Inglaterra. Dentro desse conflito, os pais de Anny estão inseridos de forma peculiar. Já que devido ao trabalho nebuloso que exerciam,eles optaram por viver longe de Anny sem acompanhar seu crescimento. Anny não entendia o porque de uma vida tão regrada. Seus pais não permitiam que ela frequentasse a escola,que tivesse amigos e que pudesse ter uma vida normal como toda criança de sua idade. Mas, Anny é uma criança muito especial, dócil e compreensiva. Apesar de não saber o real motivo pelo qual seus pais lhe privava de tantas coisas, ela aceitava,pois desejava tê-los ao seu lado. Isso já lhe bastava.

É na companhia de sua inseparável amiga Tiara,sua ovelhinha de pelúcia que, Anny esperava ansiosamente cada sábado. Entre o intervalo de suas viagens, Jeferson a presenteia com um lindo tabuleiro de xadrez. Será na companhia desse tabuleiro que a trama será desenvolvida. A simbologia do xadrez vai muito além da sua representação física.
Anny fica muito feliz ao ganhar esse lindo presente do pai,contudo junto com ele vem a notícia que seus pais se ausentarão por um ano. Logo,eles decidem deixar Anny sobre a responsabilidade de D. Jane,sua professora particular.

Jane é uma pessoa muito austera e extremamente amargurada. Ela levara Anny para viver em sua casa na companhia de seu marido Hermes, um homem com um semblante triste e tão amargurado quanto Jane. É nessa casa que Anny viverá as masis diversas provações. Ela viverá momentos terríveis de dor e muito sofrimento, porém Anny optará por enxergar o lado bom das coisas em cada um desses momentos. Ela é uma criança muito especial, um ser iluminado e que saberá conduzir da melhor maneira cada dificuldade que a vida irá lhe impor.

O livro é narrado na 3ª pessoa do singular, porém ele é intercalado por diálogos entre os personagens. Apesar de Anny ser o personagem central da narrativa,outros personagens tem sua devida importância no decorrer da estória.É na companhia de Pepeu,Hermes,Nicole,Frank,George e Desiré que, Anny enfrentará sua difícil caminhada.
Os personagens carregam consigo a dualidade presente em todos os seres humanos. Todas as suas atitudes e reações não podem ser avaliadas como uma atitude boa ou má, pois ambos estão duelando o tempo todo no interior de cada um de nós. Anny apesar de, todas as suas dificuldades e limitações nos passará uma linda mensagem de amor,fé e esperança.

Xadrez é um livro magnífico, extremamente rico em detalhes. Ele nos remete à uma época de muita tristeza, onde as pessoas lutavam o tempo todo pela vida. Xadrez não é um livro focado nas pessoas que ficaram mutiladas fisicamente pela guerra,mas nos transporta para seus íntimos,para almas dilaceradas que carregam consigo seus medos,frustrações e incertezas. Anny nos transmite uma mensagem de esperança e amor verdadeiro.

Fabiane fez um trabalho muito especial, relatando acontecimentos com personagens fictícios,mas que podemos reconhecê-los em algum filme que já assistimos ou até mesmo, que podemos reconhecer o drama de cada personagem dentro de cada um de nós. O enredo é muito intenso e os personagens são muito bem construídos. A linguagem utilizada pela autora é muita rica e bem elaborada. Apesar de todo o sofrimento de Anny, o livro não tem a proposta de fazer com que o leitor se entristeça com a narrativa, pelo contrário, Xadrez é uma estória de fé, alegria e superação.

O trabalho gráfico é perfeito. A capa do livro é belíssima. A imagem do tabuleiro de xadrez traz coerentemente a mensagem que ele simboliza. A borboleta azul que, mais tarde saberemos sua importância representa a leveza que o livro transmite.Apesar da cor branca das páginas, o livro é tão maravilhoso que não dá tempo de sentir qualquer cansaço na visão,tamanha sua perfeição.

Anny é uma menina linda.Seu coração dócil e amoroso nos ensinará lições que carregaremos por toda a vida. A narrativa explora exatamente esse ponto: Será que devemos nos entregar as dificuldades? 
Xadrez é um livro perfeito, magnífico,espetacular. Agradeço a Fabiane por me permitir sonhar novamente,por acreditar na felicidade acima de todas as coisas. Pude sentir a presença de um anjo me abraçando no decorrer de cada parágrafo lido. Anny nos aproxima do céu,nos permite dialogar com Deus através de sua sabedoria. Cada personagem tem sua devida importância na estória,pois cada um tem uma linda mensagem a nos passar.

O livro superou todas as minhas expectativas. Já pela sua sinopse,temos uma prévia da magnitude dessa linda estória de amor. Quero parabenizar a Fabiane pela complexidade de seus personagens, pela excelente caracterização e pela intensidade em que o livro é narrado nos aproximando de personagens tão reais. 
Bem,será que eu preciso dizer se eu recomendo o livro? Sim. Eu o RECOMENDO em caixa alta. Xadrez é um livro maravilhoso! Perfeito em todos os sentidos. Eu tenho a certeza que após a leitura do livro, cada leitor passará a enxergar sua vida de outra maneira.

Xadrez é um livro forte,intenso e emocionante. É como se um anjo tocasse a nossa alma e nos curasse de toda e qualquer doença que carregamos. Um livro que dialoga com Deus,com o amor sublime e verdadeiro.
Obrigada, Fabiane por me proporcionar um momento tão mágico e especial que jamais esquecerei!
(...) A diferença entre os adultos e as crianças é que, quando crescemos, aprendemos a usar palavras difícies, achamos que entendemos tudo, aprendemos a nos distanciar dos sonhos e fingimos, fingimos muito. Porque sempre nos preocupamos em manter as aparências, e não em fazer coisas que nos deixam realmente felizes. Deixamos de nos encantar, de dar valor ao que tem valor, de fazer o mundo ao nosso redor sorrir, e de sorrir de volta para ele. Não nos permitimos fazer coisas diferentes, porque seguimos regras o tempo todo. Aí, cada vez mais pensamos que podemos controlar tudo e a todos; e ensinamos as crianças, quando, na verdade,elas é que deveriam nos ensinar. (pág.81)
Espero que tenham gostado.Mas,se não gostou,opine também! Quero saber a opinião de vocês!
Até a próxima!

Você também pode gostar

35 comentários

  1. Quero ler *--* beijos

    ResponderExcluir
  2. Eu há senti todas essas emoções lendo Corações em Fase Terminal... Imagino que qnd ler Xadrez, sentirei as mesmas ainda mais intensamente!!!
    Quero q minha vez chegue logo!!!
    Mto boa resenha!
    Um beijo,
    Nica

    ResponderExcluir
  3. Que lindo :D
    Não sabia que era essa a sinopse do livro e isso é o que a Fabiane quer passar para nós leitores, ainda não li o livro mais me interessei muito por ele.
    Beijos :*
    Natalia - http://www.musicaselivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Oi Zilda, Amei sua resenha!!! sério, agora que não vejo a hora do livro chegar em minhas mãos.... será que vai demorar muito???!!!!
    heheehehee

    Beijosss
    http://dailyofbooks.blogspot.com/
    Háa, veja o que acha de minha nova resenha no blog e me de sua opniao

    ResponderExcluir
  5. Não conhecia esse livro. Muito boa resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Uau, Zilda, encantou-me. Sua resenha ficou maravilhosa e expressou muito bem seu 'sentimento' em relação ao livro, confesso que fiquei curiosa para lê-lo. Vou anotar o nome e tal, assim que tiver uma oportunidade lerei.

    Abraços.
    Camila Márcia
    @camila_marcia
    http://delivroemlivro.blogspot.com/
    http://devaneiosfugazes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Oiii amore..
    Nossa, que lindo drama.. Com certeza muito sentimental. Uma criança inocente em meio a um país se recuperando de uma guerra. E os pais ausentes... ainda. Afinal, fiquei curiosa pra saber deste obscuro trabalho dos pais.
    Ai, acho que ia ficar chocada tb..hehehe
    Parabéns pela resenha, com certeza você conseguiu exprimir seus sentimentos em palavras, e me deixou muito curiosa para ler este livro, que tem uma capa linda por sinal.
    Um beijoo

    Tela

    ResponderExcluir
  8. Zilda querida, me emocionei com sua resenha. Sério. O livro parece ser impactante, forte, e super bem narrado. Preciso ler esse livro o quanto antes *___*
    Já li Corações em Fase Terminal da mesma autora, e adorei. Tenho certeza que vou amar esse também. Já entrou para minha lista - pilha, como quiser chamar, rs - enorme de leitura. \õ/ Ótima resenha, ótimas explicações. Sucesso SEMPRE diva, beeijão ;*

    Ewerton Lenildo - Academia de Leitura
    papeldeumlivro.blogspot.com
    @Papeldeumlivro 

    ResponderExcluir
  9. Débora Renata Cavalcanti2 de fevereiro de 2012 11:14

    Oiiii,

    adorei esse livro ja vi muitas resenhas dele, quero muito ler.

    bju bju

    ResponderExcluir
  10. Ah, Zilda, por que fazer isso comigo? Eu quero tanto ler esse livro... As suas palavras só me deixaram com ainda mais vontade. parabéns pela resenha...

    comenta?
    http://jeito-inedito.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Vc sabe que eu amo essas capas coloridas!!! rsrs
    Adorei, tá tudo lindo!!!
    Não sei se entendi direito, mas acho que vou chorar né???
    Tudo onde o assunto é guerra, eu choroooooo

    bjkassss

    ResponderExcluir
  12. A Zilda como sempre, trazendo boas resenhas pra nós! O livro parece ser muito bom. É uma história curiosa, e interessante.

    Parabéns mais uma vez!Bjo

    ResponderExcluir
  13. Realmente esse livro me superou,foi o primeiro livro nacional,depois dos clássicos,que li e realmente me emocionei com a simplicidade das palavras da Fabiane,chorei,aprendi a amar mais as crianças e fiquei apaixonada pelo mundo que a autora me apresentou.
    Zilda,sua resenha esta de parabéns!!! 
    Beijão...
    http://fomesedeevontadedeler.blogspot.com/ 

    ResponderExcluir
  14. Adorei a resenha!

    Desde a primeira vez que li a sinopse desse livro ele me pareceu ser ótimo! *-*
    O autor nacional mais uma vez mostrando seu valor ;)
    Gosto muito de livros como esse, que tratam de alguma maneira da Segunda Guerra!
    A capa também é linda ne?! nem precisa comentar! 
    Fiquei super curiosa ;D
    Beijos, Lara E.
    http://naspaginasdeumlivro.blogspot.com/ 

    ResponderExcluir
  15. Bruna Rodrigues dos Santos2 de fevereiro de 2012 14:46

    Amei a resenha!
    Ja tinha lido sobre o livro em algum outro blog, mas nao era exatamente uma resenha.Ja estava com vontade de ler esse livro, mas diante da sua emoção ao ler ele essa vontade aumentou muito.
    Espero me emocionar assim também.
    Beijos

    @  NinaHenker

    fleurdylis.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Oi Zilda, tudo bem? Não sabia que a autora tinha outra obra, que legal! Tinha visto esse livro em outros blogs e sempre fiquei curioso em relação ao conteúdo, tirei as dúvidas com sua resenha. Gostei muito de saber o que acontece na historia, o enredo parece se muito interessante. Bom saber que o livro superou as suas expectativas, isso já é um incentivo a mais para mim.

    Gostei muito da resenha. Abraços
    http://entrepaginasdelivros.blogspot.com/ 

    ResponderExcluir
  17. Oi linda,
    ótima resenha como sempre. E o livro parece ser daqueles que nos passam ótimas mensagens. E quando um livro nos toca assim, é muito legal.
    Mais um pra listinha...
    Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  18. Adorei a resenha Zilda ficou muito boa eu tenho indicação pra ler este livro mas ainda não consegui um exemplar dele pra ler rsrs e quem me indicou disse ser maravilhoso o que pude conferir pela sua resenha. Vou ver se consigo um pra mim.
    Bjus
    Val
    Brilho das Estrelas

    ResponderExcluir
  19. Caçadora de Livros2 de fevereiro de 2012 16:17

    Ainda não li o livro, apenas me empolguei com a sinopse.
    Obrigada pela dica e análise.
    bjs

    ResponderExcluir
  20. Olá Zilda,
    Parabéns pela resenha! Ficou muito boa!
    Já tinha visto a capa do livro, mas nunca havia lido sinopse ou resenha. Confesso que pela sua resenha achei o livro muito interessante. Acho que esta questão da dualidade, do bom e mau, é algo que, assim como outras coisas, aproxima muito a história com o leitor. Pois todos pensamos, na maioria das nossas escolhas, os pontos favoráveis e não favoráveis ao adotarmos aquela escolha. Pensamos se aquilo, mesmo parecendo bom, poderá prejudicar alguém. Outra coisa que eu gosto dos livros é quando eles fazem você refletir um pouco sobre você mesmo e sentimos que após a leitura algo mudou (eu senti isso com 'A Cabana'). Enfim, poderia falar mais coisas só através da sua resenha, mas vou resumir: pela sua resenha, o livro parece ótimo.

    Mateus Noremberg - Livros Preciosos

    ResponderExcluir
  21. escutaessa.blogspot.com2 de fevereiro de 2012 16:27

    Oi Zilda,Que ótima resenha! Já tinha lido sobre esse livro e achei a sinopse bem interessante. Depois de ler a sua resenha, com certeza vou colocar ele na minha lista de leitura ;)Vou adicionar ele no meu skoob ;)Renata http://escutaessa.blogspot.com/http://www.facebook.com/BlogEscutaEssa@blogescutaessa 

    ResponderExcluir
  22. Anna Gabriella Ferreira barbos2 de fevereiro de 2012 16:57

    Também entrei no Booktour. Estou ansiosa para lê-lo.
    Bjinhos.

    ResponderExcluir
  23. Este livro parece muito legal! Aparentemente tem uma história linda... *-*
    Abração, adorei sua resenha!!

    ResponderExcluir
  24. Oi Zilda, Também estou participando do Book tour desse livo e depois de ler essa linda resenha estou certa que vou amar esse livro também, me parecer uma ótima estória.
    Te adoro muito.....
    Beijo

    http://marifriend.blogspot.com/

    @Storieandadvic 

    ResponderExcluir
  25. Bem interessante! A resenha está ótima!
    BjosMirianwww.oavessodamoda.com

    ResponderExcluir
  26. Zilda! A história parecer ser linda! Gosto de narrativas sensíveis assim. Fiquei curioso para ler esta história.

    Adorei a resenha! E o livro vai para a minha lista de desejados! 

    Obrigado por sugerir!

     =)!

    ResponderExcluir
  27. Jurava que já tinha comentado aqui... estranho! Enfim...

    Também sou parceira da Fabi e não vejo a hora de Xadrez chegar aqui em ksa!

    Adorei sua resenha! Você conseguiu expor todos os seus sentimentos, todas as emoções que você sentiu! 

    Parabéns!

    Um beijo,Nica

    ResponderExcluir
  28. territoriodascompradorasdelivr2 de fevereiro de 2012 19:56

    Amiga, você deu nota máxima, então o livro deve ser mais que perfeito, não vejo a hora de ler.
    Adoro histórias assim e nossa que resenha.
    Agente vê sua paixão, e este livro significou muito para você.
    Sempre muita linda a resenha.
    Território das garotas        
    @territoriodg
    Bjss *-*          
    http://territoriodascompradorasdelivro.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  29. Que resenha maravilhosa!! Você amou o livro, deve ser realmente muito bom!!! Com certeza eu quero ler!! Deve ser emocionante, lindo!

    ResponderExcluir
  30. Muuito boa a tua resenha! Você gostou mesmo do livro, rsrs
    Tenho vontade de ler ele, a capa é linda, e tua resnha me deixou com vontade de ler, rsrs

    Beijos,
    http://naminhaestanteliivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  31. Que linda sua resenha!!! Eu também vou participar do booktour, e também estou ansiosa para ler, mas agora minha ansiedade dobrou!!!  kkkk a capa como vc disse é linda msm, e eu qro sabe ro significado da borboleta tbm, Anny deve ser mesmo uma personagem excepcional!!!
    Bs
    Daiane
    nouniversodaliteratura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  32.  Resenha linda, Zilda! Wow! Me emocionei só de imaginar o quanto esse livro é tocante...

    Livro bom é aquele que supera todas as nossas expectativas. Este parece mesmo ser o caso.

    Beijocas,

    Lu
    www.equinocioaprimavera.blogspot.com

    ResponderExcluir
  33. Zilda, me emocionei hiper com a tua resenha. O livro da Fabi é perfeito, a forma como ela coloca sentimentos nas páginas é incrível. Eu sou fã dela e seus livro me emocionam de forma giganesca. Tuas palavras descrevem perfeitamente  a emoçao deste livro.
    Parabéns!
    Beijão.
    @pirulitolimao

    ResponderExcluir
  34. Amei amei ameeeeeei!!!! foi para minha lista de desejados!!!

    ResponderExcluir
  35. Já ouvi falar deste livro e tinha interesse em le-lo, agora tenho muito mais!!!!! 

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita! Sua participação é muito importante.

SIGA-ME NO INSTAGRAM: @zildapeixoto