|Resenha| Um romântico incorrigível - Devan Sipher @VerusEditora

quarta-feira, novembro 07, 2012


Ele é um romântico incorrigível e também profissional, pois escreve uma coluna sobre casamentos para um importante jornal, cobrindo festas espetaculares de costa a costa do país. Mas há uma linha tênue entre ser um repórter bem-sucedido com uma matéria para escrever e ser um cara sozinho num sábado à noite, no casamento de um desconhecido.
Tudo muda na primeira noite do ano, quando Gavin conhece Melinda, uma jornalista de viagens com um espírito aventureiro. Mas Melinda vai embora e parece ter desaparecido sem deixar rastros. Gavin inicia então uma jornada por Nova York em busca dessa intrigante mulher. E aprende que há algo pior do que perdê-la: ter que escrever um artigo sobre o casamento dela.
Um romântico incorrigível é uma extraordinária e esperta comédia romântica sobre um homem em busca do amor verdadeiro.


Foram muitos os aspectos que atraíram a minha atenção para a leitura de Um romântico incorrigível. E a primeira delas foi a capa. Sim, a capa. Tudo bem. Podem me apedrejar. Como alguém ainda julga um livro pela capa. Eu julgo e felizmente fiz uma boa escolha.
Um romântico incorrigível é um daqueles livros que de imediato você se derrete pela roupinha que ele está vestindo, digo: a capa. Logo, nos encantamos pelo conteúdo e se, o leitor se prender a sinopse vai achar que é mais um livro água com açúcar. Calma, gente! É nessa hora que é preciso separar o joio do trigo.

Um romântico incorrigível é um romance muito diferente dos demais romances que são publicados a torto e a direita por aí. Só pelo fato de ser narrado por uma voz masculina e abordar o amor em seu sentido mais amplo, ele merece todos os créditos.

Narrado em 1ª pessoa, o livro possui uma narrativa inteligente e bem engraçada.  Não pense que estou falando daquelas tiradas cômicas que podemos encontrar nos livros Chick Lit. Até certo ponto, o livro possui elementos que poderiam ser facilmente identificado como um, mas prefiro categorizá-lo como romance.

Um dos fatores que colaboraram para o sucesso da narrativa foi o fato do autor poder contribuir  com características pessoais, já que assim como o personagem principal, Devan Sipher escreve sobre casamentos na coluna “Vows” do New York Times.

Gavin trabalha no renomado jornal The Paper escrevendo uma coluna sobre casamentos. Todas as noivas desejam ter suas histórias narradas por ele. Por isso, ele é um dos jornalistas mais renomados do mercado.  Gavin é bem sucedido, mas não ganha muito. Pelo contrário, trabalha demais e namora de menos. Esse é um dos motivos pelo qual Gavin não seja tão realizado assim. Com seus 37 anos beirando a idade do lobo, ele se vê diante de mais um relacionamento fracassado. Suas habilidades com as mulheres são desastrosas. Gavin é um romântico assumido. Seu ofício é relatar a união de casais apaixonados, mas ele mesmo não acredita que um dia possa encontrar alguém que realmente valha a pena. Também pudera; Gavin é muito exigente.

A sorte de Gavin é que ele tem Hope; amiga inseparável para as horas mais difíceis. Hope também não fica atrás. É totalmente desastrada com seus relacionamentos. Ou seja, pelo que vocês podem notar  Um romântico incorrigível é um romance repleto de histórias mal resolvidas. Tudo parece perdido até o dia que Gavin acompanha Hope a uma festa e Pi-rim-pi-pim!!! Ele se apaixona perdidamente por Melinda. E aí vocês devem imaginar o que acontece. Não. Não acontece. Gavin flerta com Melinda e quando ele decide pedir o telefone da mulher, ela simplesmente desaparece. Aí começa a saga de Gavin.

Inconformado com sua partida repentina, Gavin vai fazer de tudo, eu disse TUDO para encontrar Melinda. É a partir daí, que o livro começa a ficar interessante.  Uma das coisas mais legais do livro é que o autor criou personagens secundários, que na verdade passam a ter tanta importância quanto os primários. Hope, os pais de Gavin e, principalmente, os noivos que são entrevistados por Gavin colaboram para o bom desenvolvimento da narrativa. Pois, imaginem o quanto seria chato se ficássemos o tempo todo lendo a respeito da vida de um solteirão que não pega ninguém. Enfim, muita coisa legal acontece e o leitor se envolve com a história, vibra e torce por todos os personagens.  

Cada história narrada pelos noivos traz uma reflexão muito legal, tanto para Gavin quanto para o leitor. Aquela premissa de que todo homem é seguro, que privilegia o sexo antes do amor e coisas machistas do gênero vai cair por terra, mas como nem tudo são flores Gavin também me irritou profundamente. Teve momentos em que sua falta de atitude era inaceitável. Poxa, homem tem que ter pegada, ser firme, decidido. Tinha certos momentos que Gavin era muito inseguro, meu Deus! Mas, essa era a graça né. O personagem tinha que ser amado e odiado para no fim ser aclamado. 

O final do livro é previsível, mas não é o fim do livro que conta e sim a maneira como cada personagem foi construído.
A narrativa é fluída e de fácil entendimento. Muitas trilhas sonoras são citadas no decorrer da narrativa, pois casamento que se preze não pode faltar uma trilha bem romântica. A diagramação do livro é bem simples. Balões de coração ilustram a divisão de cada capítulo. Outra coisa bem legal do livro. O título dado a cada novo capítulo é bem engraçado e pertinente com a narrativa.  A revisão fez um bom trabalho, a fonte utilizada é ótima e facilita muito a leitura. 
Enfim, entre tantas qualidades só me resta recomendar a leitura do livro. E você ainda vai se perguntar porque não tem um Gavin na sua vida.

Quero aproveitar e lembrá-los que está rolando sorteio de Um romântico incorrigível na promoção de 3 anos da Cachola Literária. Se você ainda não está participando, corre que ainda dá tempo! Clique aqui e participe!

FICHA TÉCNICA
Um romântico incorrigível
Título original: The wedding beat
Autor: Devan Sipher
Tradutor: Ana Death Duarte
ISBN: 8576861879
Páginas: 252
Editora: Verus Editora

Você também pode gostar

11 comentários

  1. Quero muito ler esse livro!
    Quem sabe eu não ganho?
    Beijinhos!!!
    =*

    ResponderExcluir
  2. Oi! Essa capa é o máximo! Parece um livro gosto de ler, que bom que gostou.

    abraços,
    Luciana

    tem novidades lá no blog, espero que goste!

    ResponderExcluir
  3. Agora que eu percebi que nunca li nenhum livro antes narrado por homens..só Percy Jackson..
    Já vi um filme uma vez, Vestida para casar, e assim que vi na resenha que ele trabalha com jornal, falando de noivas e tal, me lembrei do personagem desse filme, que também tem uma coluna no jornal, e fala de casamentos.
    Estou doida para ler esse livro...
    Também me apaixonei pela capa...rsrsrs...falando a verdade, é a primeira coisa em que eu vejo no livro...rsrsrs

    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Que tudo essa sua resenha!!!
    Fiquei super empougada para ler esse livro, já queria ler ele, mais depois da sua resenha fiquei mais doida ainda.
    Eu sabia que esse livro seria tudo isso que você disse. A história deve ser linda de ler.
    Quero muito me divertir e me encatar e por que não se apaixonar por  Um romântico incorrigível.
    Bjos...

    ResponderExcluir
  5. Eu também amei a capa! rsrs...E compraria ele só pela capa sim! Então não é só vc, estamos juntas! E amei a resenha que vc fez, quero logo esse livro! Que eu seja a sorteada no seu sorteio pois agora vc atiçou minha curiosidade!
    beijos
    adriana

    ResponderExcluir
  6. Ahnnn, eu quero um Gavin pra mim. Estava doidinha pra ler uma resenha desse livro, agora estou doidinha pra ler o livro, simples assim ;)

    Bye da Pah
    www.livrosestrelas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. GabrielaLaganowskiReis8 de novembro de 2012 21:19

    Ah curti muito a resenha! Já é segunda opinião positiva sobre esse livro. Se tiver oportunidade ler eu lerei. Gosto de livros do gênero!

    ResponderExcluir
  8. ACHO A CAPA DESSE LIVRO PERFEITA... IRREAL.. HEHE
    SOU DOIDA PARA LER, MAIS ACONTECE Q TO NAQUELE 
    MOMENTO DE NÃO PODER COMPRAR MAIS NADA ATÉ DAQUI
    Á 4 MESES =X
    ENTÃO VOU TENTAR A SORTE NA PROMO NÉ

    EU AMEI A RESENHA E FIQUEI COM MAIS VONTADE DE LER 
    DO QUE JÁ TINHA ANTES.. ESSE LIVRO É FOFO DEMAIS...

    BEIJOSS
    TEM TRECHOS DE QUARTA NO BLOG
    http://dailyofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Olá! confesso que já estou apaixonada pelo livro. tua resenha me fez viajar na imaginação da história. Adorei mesmo. ;)

    Vou lá participar do sorteio... ;)

    você escreve bem demais. Beijo!

    ResponderExcluir
  10. Acredita que eu não conhecia esse livro?!
    Mas a resenha é tão envolvente que não da para ficar curiosa

    Beijos
    @pocketlibro
    http://www.pocketlibro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Confesso que também amei a capa, me apaixonei quando vi no sorteio dos 3 anos. Agora que li sua resenha, fiquei ainda mais encantada e torcendo pra ganhar este (tipo assim, dane-se os outros livros, quero só o Gavin).
    Gosto muito de livros que desenvolvem boas histórias com personagens secundários. Isso é preciso pra deixar o livro mais dinâmico e interessante.
    Não preciso nem dizer que amei sua resenha, né? rs
    Beijinhos!Giulia - prazermechamolivro.blogspot.com

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita! Sua participação é muito importante.

SIGA-ME NO INSTAGRAM: @zildapeixoto