Confira os livros que inspiraram os filmes do Oscar 2013

sábado, fevereiro 23, 2013


O cinema é, em grande parte, inspirado pela literatura. O livro é eterna fonte de histórias, inspiração e ao mesmo tempo desafio ao cineasta. 




Ele precisa converter palavras em imagens, além de adaptar um enredo que caiba na tela no período de apenas algumas horas, enquanto o autor teve quantas páginas quis ou precisou para criar.

Além disso, existe o desafio de tentar corresponder, com pessoas e lugares reais, aos personagens e universos fantásticos criados por um escritor, superando assim a beleza da imaginação de cada leitor.

Por mais bem sucedida que seja essa conversão entre as duas mídias, os livros quase sempre têm mais a oferecer. Seja em detalhes, seja na liberdade de imaginar a história como você quiser.

Confira abaixo os livros que inspiraram filmes concorrentes ao Oscar 2013. Todos estão disponíveis nas livrarias.



Nos bastidores com Hitchcock

No final da década de 1950, Hitchcock já tinha dezenas de filmes em seu currículo, entre eles grandes sucessos como Um Corpo que Cai e Janela Indiscreta. Nessa época, o diretor ficou totalmente obcecado com a ideia de fazer um filme sobre o livro chamado Psicose, de Robert Bloch.

Baseado em uma série de crimes reais, o livro inspirou Hitchcock a tal ponto que ele decidiu que faria um filme de acordo com a sua visão artística sobre a história custasse o que custasse. Quando o estúdio Paramount desaprovou o projeto, Hitchcock fez uma hipoteca de sua própria casa para financiar o filme.

O livro Alfred Hitchcock e os Bastidores de Psicose conta com detalhes como se deu essa história de obsessão de Hitchcock e todos os sacrifícios feitos para produzir a obra que se tornou uma das mais famosas do diretor e uma das mais apreciadas por seus fãs.

O autor do livro, Stephen Rebello, entrevistou os principais nomes do elenco e da equipe técnica para fazer um relato cheio de episódios inusitados e reveladores, mas o foco do livro fica principalmente sob a relação de Hitchcock com sua mulher, Alma Reville.

Lançado em 1990 nos Estados Unidos, o livro inspirou o filme Hitchcock, que tem Anthony Hopkins no papel do diretor, Helen Mirren como a Alma Reville, e Scarlett Johansson no papel de Janet Leigh, estrela de Psicose, inicialmente tinha sua estreia no Brasil marcada para o dia 8 de fevereiro, mas ainda não chegou por aqui. 

O polêmico Pi

As Aventuras de Pi é o livro mais polêmico entre os que inspiraram os indicados ao Oscar. Por conta de suas semelhanças com Max e os Felinos, de Moacyr Scliar, o livro levantou uma longa discussão sobre plágio. O livro ganhou o Booker Prize, entre outros prêmios, e o autor, Yann Martel colocou no prefácio um agradecimento a Scliar pela inspiração. 

Em reportagem publicada no jornal Zero Hora em 9 de novembro de 2002, os dois autores envolvidos comentaram o assunto. O canadense explicou que nunca leu Max e os Felinos: 

O que sei sobre o livro foi a partir de uma resenha, que me deslumbrou pela originalidade do enredo, pelo qual devo ao sr. Scliar não apenas respeito, mas admiração — declarou. 

O autor gaúcho não acreditava em plágio, e questionou inclusive o que era exatamente plágio, já que Martel inclusive assumiu que se inspirou em sua obra. Scliar simplificou o assunto em sua declaração:

Literatura é para mim escrever e desta forma estabelecer um vínculo afetivo e intelectual com pessoas. Todo o resto me parece secundário, incluindo as polêmicas literárias. 

Você também pode gostar

14 comentários

  1. O melhor de todos , para mim, com certeza Os miseráveis *___*

    Céu de Letras

    ResponderExcluir
  2. Oi amiga!
    Adoreii o post!! Sou curiosa pelo filme O lado bom da vida.

    Bjinhs*

    ResponderExcluir
  3. OLá Zilda,

    Muitolegal esse post e bom saber o quanto os livros influenciam as pessoa e o mundo a fora e de todos Os Miseáveis é o melhor livro, estou lendo e acho ele extraordinário...muito difícil um filme mostrar o que realmente ´pe o livro...abçs.


    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

     

    ResponderExcluir
  4. Olá Zilda!!
    É bem "complicado" transferir de palavras para imagem, é uma responsabilidade enorme, criar todo o ambiante, os personagens, é uma coisa bem grande! E se falhar compromete e muito a obra em qe foi baseada!!
     Eu vi uma reportagem sobre o filme As Aventuras de Pi, onde falavam sobre o plágio, achei bem estranho e tal!
     Estou doida para ver O lado bom da Vida, mas anes quero muitler o livro, os atores são ótimo e isso contribui para querer ver logo o filme !
    Adorei o post, parabéns!!

    Beijão
    lovesbooksandcupcakes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Oi, muito legal ...as Aventuras de Pi, acabou virando uma polêmica, não é?
    Beijinhos e bom sábado para você.http://marlicarmenescritora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. As aventuras de pi me mata. Queria ver esse filme no cinema e não deu, quero o livro e ainda não sair do meu recesso de compras. E vc ainda me deixa muito muito muito mais ansiosa com um post desse. kkkkkk

    http://clicandolivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Bem interessante! Não sabia dessa semelhança de As aventuras de Pi com outra história. Gostei e aprovei a postagem...em diferente e instrutiva.
    Bom final de semana.Beijos!Paloma Viricio- Jornalismo na Alma

    ResponderExcluir
  8. As aventuras de Pi, é um livro/filme que quero ler/ver. Vejo o trailer passar na TV e aumenta a minha vontade... Minha mãe tava dizendo mesmo que teve essa coisa de a história ser semelhante com a de outro escritor (brasileiro?)
    Enfim, adorei o post! :)
    www.penseicliquei.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Louca para assistir os miseráveis!
    Os livros sempre rendem ótimos roteiros cinematográficos.Ótimo post!
    Dá uma passada lá no blog, está rolando sorteio.
    Grande beijo!Camila - Meu Livro Cor-de-Rosahttp://meulivrocorderosa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Li a algum tempo atrás Os Miseráveis. Me emocionei muito com a história e to louca para assistir a nova versão do filme, ainda mais tendo Hugh Jackman no elenco, que eu amo. Espero gostar assim como gostei do livro.

    Bjos!

    ResponderExcluir
  11. Desses apresentados acima, já assisti várias adaptações de Os Miseráveis, mas a atual ainda não.  Também já assisti ao O Hobbit (gostei), mas não achei nada de extraordinário a ponto de ser indicado ao Oscar, o filme As aventuras de Pi. Já Anna Karenina, eu assisti a versão anterior (1997) que por sinal é excelente; a atual ainda vou conferir.
    Maristela G Rezende

    ResponderExcluir
  12. Queria assistir o lado bom da vida, mas só tinha legendado e meu love nem gosta.
    http://enfimshakespeare.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi amiga,

    Nossa quando vi o trailer do filme As aventuras de Pi fiquei doida pra assisti, mas o tempo não me deixou rs.
    Os miseraveis pretendo assisti em breve e o Lado bom da vida também.
    Te todos esses quero ler antes os livros :)
    Beijos

     

    Mari -

    Stories And Advice


                                                                                                             

     

     

    ResponderExcluir
  14. Oiee!!

    Assisti os miseraveis ontem, e amei!!! merece oscars, fato! rs
    O Hobbit tb achei de mais, pra mim que sou fa do Tolkien foi incrivel!! mas nao sei se todos acharam isso, acho que pra oscar precisa ser algo mais "leve" que agrade a mais pessoas rsras

    Bjoo

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita! Sua participação é muito importante.

SIGA-ME NO INSTAGRAM: @zildapeixoto