Os livros mais polêmicos de todos os tempos

domingo, março 10, 2013

Alguns livros causam polêmica por apresentarem conteúdos muito avançados para a sua época ou considerados controversos. Confira os livros mais inovadores e polêmicos de todos os tempos.



A grande importância dos livros é que eles expressam ideias que são fundamentais para a humanidade.

Os livros têm um poder inegável. Um bom livro pode trazer alegrias, inspirar mudanças de vida, desenvolver o senso crítico e levar a reflexão. A grande importância dos livros é que eles expressam ideias que são fundamentais para a humanidade. Eles representam nossas lutas, apresentam pontos de vista desafiadores e nos estimulam a desenvolver nossos conceitos. No entanto, algumas pessoas acreditam que certas questões nunca devem ser exploradas.

Confira a seguir alguns livros considerados "controversos" na época em que foram lançados e causaram polêmica com as ideias apresentadas. E acesse aqui uma lista com mais de 1000 livros para baixar grátis.


1. A Origem das Espécies, de Charles Darwin Você pode argumentar que a ciência não é um tema ofensivo, mas isso não impediu que a imortal teoria de Charles Darwin sobre a evolução e seleção natural fosse considerada polêmica. As instituições cristãs condenaram o livro, uma vez que ele contradiz a visão criacionista. O próprio Darwin não acreditava que a evolução e a noção de um criador eram mutuamente exclusivas, mas este ainda é um tema polêmico.

2. O Apanhador no Campo de Centeio, de J. D. Salinger A obra conta a história de um jovem de 16 anos que luta contra a angústia adolescente e lamenta o mundo ao seu redor. No livro existem muitas passagens sobre cigarro e álcool, e uma boa dose de blasfêmia e atitudes subversivas. Nos Estados Unidos, um professor de Inglês foi demitido por indicar a obra para leitura.

3. Os 120 Dias de Sodoma, de Marquês de Sade Basicamente, o livro retrata a exploração do lado mais escuro da natureza humana e, especialmente, de perversão sexual. Na obra, quatro libertinos franceses capturam algumas adolescentes, e durante 120 dias torturam, humilham e estupram as jovens. Este livro foi recentemente banido na Coréia do Sul, e não foi publicado na Grã-Bretanha até 1954, apesar de ter sido escrito no século XVIII.

4. O Amante de Lady Chatterley, de D. H. Lawrence O livro detalha momentos eróticos da protagonista com seus guardas, e foi considerado demasiadamente explícito e obsceno, ao ser publicado. No entanto, a editora Penguin ganhou o caso judicial e a obra de D. H. Lawrence foi um bestseller. A vitória foi um momento histórico para a indústria editorial, porque a censura de livros tornou-se mais difícil a partir deste momento.

5. Lolita, de Vladimir Nabokov No livro, o narrador se casa com uma mulher para ter acesso à sua filha. Depois de seu lançamento em 1955, este livro foi proibido na França, Inglaterra, Nova Zelândia e Argentina.

6. Os Versos Satânicos, de Salman Rushdie Publicado em 1988, "Os Versos Satânicos" é considerado controverso por causa de suas atitudes em relação ao Islã. Rushdie se refere a Maomé como "Mahound", o que essencialmente significa demônio. Cópias foram queimadas, vários protestos foram realizados e até mesmo um tradutor do livro foi morto. Rushdie passou pouco menos de uma década sob proteção policial.

7. O Psicopata Americano, de Bret Easton Ellis O Psicopata Americano é um livro sobre a atmosfera masculina no mundo dos negócios corporativos dos Estados Unidos. A obra causou uma enorme polêmica em 1991 devido ao seu conteúdo gráfico e assustador. O livro conta a história de Patrick Bateman. O personagem é meticuloso em sua descrição das coisas cotidianas, mas por outro lado, ele é selvagem, grotesco e feroz quando tortura, mutila, mata e até mesmo comer suas vítimas.

8. The Anarchist Cookbook (O Livro de Receitas Anarquista), de William PowellPowell escreveu "The Anarchist Cookbook" aos 19 anos, quando ele estava na Guerra do Vietnã. Este livro é muito anti-governo, e inclui coisas como uma receita para bombas.

Já leu algum dos livros citados? Concorda que ele seja polêmico? Qual livro você considera polêmico?
Compartilhe sua opinião.

Você também pode gostar

18 comentários

  1.  

    Nunca li nenhum desses livros, mas já ouvi falar sobre
    alguns. Tenho vontade de ler Lolita
    e O Psicopata Americano. Acredito que são grandes obras.


    Gostei
    do post e das escolhas. Gostei principalmente desse link com vários livros
    grátis, ainda tem muitos que não encontramos por ai...


     


    Beijos :*


    Claris - plasticodelicblog.blogspot.com.br


    ResponderExcluir
  2. Eu já li "O apanhador no campo de centeio". Foi um livro indicado pela escola (minha professora não foi demitida! ahhaha), discutimos e analisamos o livro. Eu gostei bastante, me surpreendi. Não acho que ele deva ser proibido: só mostra a vida de um garoto rico que foge do internato e vai para Nova York - e, é claro, faz coisas que deveriam ser proibidas para a idade dele. Quando eu li, era ainda mais nova que o protagonista, mas não me senti nada influenciada pelo que aconteceu no livro. Acho que você tem que ter uma mente muito fraca para querer imitá-lo - o que não justifica sua proibição! 

    Dentre os outros, eu queria muito assistir o filme de "Psicopata americano"! Eu não sabia que era um livro!  Gostei de saber, vou procurar!

    ResponderExcluir
  3. Nunca li nenhum desses. Se eu não me engano, no livro 'As vantagens de ser invisível', o personagem lê esse livro, o "O Apanhador no Campo de Centeio" :-)
    Fiquei com vontade de ler Lolita...Kissuswww.penseicliquei.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Cada vez amo mais os posts do blog <33 Eu queria muito ler "O Apanhador no Campo de Centeio", dizem ser muito bom e acho que agora, na nossa época, não seja tão polêmico assim. Já sabia do livro do Darwin , mas não sobre os outros. Achei interessante, leria só "Lolita", O Apanhador e o "Psicopata Americano".
    rascunhosecaprichos.blogspot.com.br
    beeijos

    ResponderExcluir
  5. Desses só li Lolita, mas tenho MUITA vontade de ler "O Apanhador no campo de centeio".

    Um beijo, Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  6. Gosto de livros que abordem temas polêmicos, acho que eles são os que mais nos acrescentam em termos de reflexão, de repensar velhas ideias e conceitos.
    Aliás, li Lolita há uns 3 anos e é uma obra maravilhosa.

    Bj
    Livro Lab

    ResponderExcluir
  7. Hey
    Hum, sou doida pra ler o segundo livro citado!
    HAHA alguns só assisti as adaptações. e curti

    Ótima postagem

    Tenha uma ótima semana.

    Nana - Obsession Valley

    http://obsessionvalley.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Nunca li nenhum dos citdos, mas pelo que sei Lolita é um livro bem polêmico.
    http://leituramagnifica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Eu li o segundo, O Apanhador no Campo de Centeio. Discordo de ele ser visto como um dos mais polêmicos. Talvez entrasse na lista dos livros que mais influenciou a literatura moderna. Recomendo!

    http://oficinainusitada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Eu NÃO li o 3, o 7 e o 8. Todos são muito significativos realmente, boa seleção.

    ResponderExcluir
  11. Ganhei o livro Lolita em uma promoção. Estou aguardando a chegada. Esses livros quanto mais polêmicos, mais lidos e se for proibido... entãoooo...
    Ótimo post!




    Grande Beijos!




    Camila - Meu Livro
    Cor-de-Rosa

    http://meulivrocorderosa.blogspot.com.br/

     

    ResponderExcluir
  12. OI,

    bem legal o post! Sou louca para ler a maioria dos livros da lista!

    Bjs

    ResponderExcluir
  13. Ótima seleção!

    Já li quase todos!
    Beijinhos
    Renata 
    Escuta Essa
    http://www.facebook.com/BlogEscutaEssa
    @blogescutaessa:twitter 

    ResponderExcluir
  14. Zilda, também a polêmica compõe a literatura, não é mesmo? Já li "Lolita" e só posso dizer que é um livro sensacional, mas é necessário lê-lo sem preconceitos e juízos prévios. Há uma sensualidade e uma loucura muito forte na obra, rs.
    "O Apanhador no Campo de Centeio" deve ser ótimo.
    E Darwin, ahhhh Darwin foi um avanço inenarrável na história da evolução.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  15. Alguns livros que adoro. Acho que sou meio subversiva, rs.
    Estou num momento gostando muito de Marques de Sade. Ele faz com que 50 tons seja um livro para as virgens, kkkkkkkkkk.
    O Amante de Lady Chatterley é lindo. De um jeito meio estranho, mas lindo.
    Me falta tempo, mas preciso ler O Apanhador no Campo de Centeio.




    Adorei!!


    Bjkas

    ResponderExcluir
  16. Eu tenho Lolita e O Apanhador no Campo de Centeio. Pretendo ler pelo menos esse último ainda esse ano. Antes tinha muita censura por parte das pessoas, né? Mesmo coisa nem tão pesadas eram censuradas.. :x Tudo pela a moral e os bons costumes hahaha.

    Ótimo post!

    Beijos!

    www.desejoliterario.com

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita! Sua participação é muito importante.

SIGA-ME NO INSTAGRAM: @zildapeixoto