|Resenha| O Menino Bilionário, de David Walliams @NovoSeculo

quarta-feira, março 19, 2014


Joe tem muitos e muitos motivos para estar feliz. Mais ou menos um bilhão deles, para ser exato. Pois então, Joe é rico. Na verdade, ele é um menino beeem rico. Joe tem sua própria pista de boliche. Um cinema particular.
Por um tempo, teve até um mordomo orangotango. Ele é o garoto de doze anos mais rico do planeta! Só que Joe não está feliz. Ele tem absolutamente tudo o que poderia querer, mas há apenas uma única coisa de que ele realmente precisa: um amigo...


Vários fatores favorecem a escolha de um determinado livro. Dentre eles há aqueles que se rendem a capa antes mesmo de ler a sinopse. Ah..não me diga que você não se deixa levar uma vez ou outra por uma bela capa? E isso também ocorre quando nos apaixonamos pelo livro pela maneira como a sinopse é apresentada. E há ainda aquele tipo de livro que te seduz, enfeitiça de imediato. Seja pela sua linda capa, pela sinopse atraente e tudo mais. Mas imagine se este livro ainda possuir capa dura? Ah..meu Deus! Aí a gente pira de vez né? Então é com muita alegria que lhes apresento: O menino bilionário. Um livro que possui todas essas qualidades. E o mais importante: a narrativa é uma delícia.

Delícia seria um adjetivo apropriado para denominá-lo. O menino bilionário é aquele tipo de livro que você o devora literalmente. A leitura flui naturalmente sem que percebamos que o fim está se aproximando. E quando ele chega só nos resta lamentar.

Quando vi esse livro pela primeira vez não tive dúvida de que iria apreciá-lo. Gosto de ler livros infanto-juvenis e, por esse motivo não encontrei problema algum em me adaptar à leitura. Aliás, se você tem alguma dúvida em relação à linguagem utilizada pelo autor fique tranquilo, pois David Walliams irá lhe surpreender.

Apesar de o livro ter um público específico, afirmo que a leitura é indicada a todas as idades tendo em vista a maneira como o autor a apresenta. A linguagem utilizada não é boba, digo infantil. Os diálogos são bem construídos e faz com que qualquer leitor, independente da faixa etária se identifique com a história.


O enredo escolhido por David também é um grande acerto. Quem nunca desejou ser um bilionário? Possuir todas as riquezas do mundo? Imagina só: Que tal 500 pares de tênis Nike? Um cinema 3D no porão? Uma montanha russa no quintal? Um tubarão de verdade no quintal? Ou quem sabe 100.000,00 por semana para usar no dia a dia? Então, pense nisso tudo multiplicado por mil. Nosso protagonista tem tudo isso e mesmo assim não é feliz. Como pode?


Pois é, Joe Spud é bilionário, tem tudo o que deseja, mas não tem um amigo. Joe não tem ninguém para compartilhar tudo isso.
Seu pai, o Sr Spud é um grande empresário e responsável por criar o papel higiênico “Freshbrum”, um papel higiênico úmido de um lado e seco do outro, criado com o intuito de facilitar a vida dos consumidores.

Sr. Spud era um homem muito ocupado e por esse motivo não dava muito atenção ao filho. Restava a Joe apenas a riqueza e nada mais, ou seja, sobrava dinheiro e faltava atenção e carinho. Além de não ter amigos Joe sofre com a perseguição dos colegas de classe por ser gordinho e filho do cara mais rico limpador de bumbuns. Bem, você pode imaginar o quanto Joe sofre com isso. 


Em O menino bilionário David Walliams constrói uma narrativa incrível cheia de aventura e descobertas. O autor preenche com veemência a máxima que dinheiro não compra felicidade. Ele ainda apresenta vários assuntos importantes que corroboram para o sucesso de sua narrativa. O bullying sofrido por Joe e ausência do seu pai são assuntos muito bem trabalhados dentro do enredo. A narrativa é muito divertida. O leitor irá “rolar de rir” com as descrições do autor. O livro é relativamente curto, porém David apresenta uma narrativa coesa e bem estruturada.

Os personagens são cativantes e muito engraçados. Aqui você identificará diversas situações comuns ao nosso cotidiano. 
Com ilustrações de Tony Ross a narrativa de David ganha vida. No interior de suas páginas o leitor encontrará diversas imagens que ilustram as aventuras de Joe. A editora foi muito cuidadosa em todo o projeto, principalmente no que diz respeito à revisão.

O menino bilionário é um excelente livro indicado a todas as idades e uma ótima dica para os leitores que estão iniciando a leitura. O livro traz uma linda mensagem de amor e amizade e faz com que as crianças conheçam os verdadeiros valores das coisas. 





FICHA TÉCNICA
Título: O Menino Bilionário
Autor: David Walliams
ISBN: 9788542801651
Editora: Novo Século
Nº de páginas: 216

Você também pode gostar

7 comentários

  1. Ai que delícia, estou super a fim de um livro assim, queria ler o diário de um banana, tem um da Nate também, e esse parece sr bem legal <3

    Ananda Maciel ∞̕

    ResponderExcluir
  2. Gente que FOFO os desenhos, ótima resenha ;)
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi Zilda, claro que eu me rendo por uma bela capa, e acho que uma capa bela vende muito mais..
    A capa desde livro é uma graça, gostei também do trabalho da diagramação..
    Adorei saber sobre a narrativa, gosto de narrativas gostosas, parece que entramos dentro do livro.
    Adorei a dica, não conhecia nem livro e nem autor..

    beijos Mila
    http://dailyofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Ai que livro amorzinho!
    Adoro livros cheios de ilustrações *-*
    Tinha tempo que não via ninguém falar de livros desse tipo, bem escritos e com uma mensagem bacana. Um bom presente para minha irmã. Adorei a dica rs

    Beijos,
    http://www.interacaoliteraria.com/

    ResponderExcluir
  5. awnn que fofo, quero ler haha
    Beijos.
    http://www.garotadolivro.com/

    ResponderExcluir
  6. O Zilda que livro mais fofo, me arrependi de não solicitado ele para ler, adoro ler livros infanto-juvenis e esse parece ser uma ótima pedida. Dinheiro é bom, mas não é tudo na vida.. Adorei as imagens que você escolheu para a resenha.

    Beijos!!!

    @jannagranado
    http://livrospuradiversao.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oie!
    Esse livro parece puro amor e é um livro que daria de presente só pela beleza.
    Beijos e até mais,
    Ana.
    http://www.umlivroenadamais.com/

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita! Sua participação é muito importante.

SIGA-ME NO INSTAGRAM: @zildapeixoto