|Resenha| Só Depende de Mim - M. Leighton @editorarecord

segunda-feira, abril 21, 2014


Depois de ter cedido aos encantos do impulsivo Cash Davenport, Olivia só pensa em aproveitar todos os instantes com ele. Porém, um segredo do passado da família Davenport pode colocar tudo a perder.
Homens perigosos estão à espreita, esperando o momento certo para recuperar algo que o bad boy mantém guardado a sete chaves, a prova capaz de salvar a vida de seu pai e de colocar em risco todos a seu redor, principalmente Olivia.
A jovem corre perigo, e Cash não medirá esforços para acabar de vez com essa ameaça.



M. Leighton está de volta e dessa vez pra arrancar vossos corações com as unhas. Em “Só Depende de Mim”, o segundo volume da série Bad Boys a norte-americana M.Leighton dá um ritmo totalmente diferente a história. Deixemos de lado, pelo menos por enquanto, as cenas tórridas de amor de Cash e Olivia para destacar momentos de pura adrenalina e tensão. Graças ao envolvimento criminoso do pai de Cash e um segredo que colocará em risco a paz e a vida do casal mais perfeito da literatura. 

Há quem diga que não curte ler romances porque não consegue aceitar o modo como certos acontecimentos são narrados. Ocorre que tais leitores afirmam que os romances tendem a ser perfeitos demais, que os personagens estão sempre felizes e blá blá blá. Bem, se você pensa dessa maneira gostaria de lhes dizer que nunca é tarde para mudar de ideia. Aliás, nunca é tarde para descobrir que existem pessoas capazes de romper esta barreira e, M. Leighton certamente é uma delas. 

Uma das coisas mais difíceis para se atrelar a este tipo de narrativa é encontrar um equilíbrio entre a inovação e a previsibilidade. E tal tarefa exige que o autor não se apegue a determinados conceitos, ou seja, é preciso que o autor não caia na armadilha de sair por aí escrevendo frases feitas. Romances eróticos que narram “apenas” consecutivas cenas de sexo e pouco diálogo, ou romances new adult repletos de cenas melosas e previsíveis. M. Leighton é muito talentosa. Cria uma narrativa romântica e consistente sem deixar brechas para possíveis deslizes. 

M. Leighton deixa o leitor atônito diante tantas reviravoltas. Já no primeiro volume a autora apresenta, ainda que de maneira sutil, o que estar por vir. Em Louca por Você Olivia está dividida entre os dois irmãos gêmeos Cash e Nash, mas é evidente a sua preferência já que Olivia sempre tivera afinidade com o estilo bad boy. Mas o estilo de vida e a maneira como Cash encara os seus relacionamentos é o menor dos problemas que Olivia terá de enfrentar. Nesta sequência Olivia já tem conhecimento do segredo de família que Cash preservara ao longo dos anos, mas Olivia acredita que ambos poderão enfrentar isto juntos. 

É neste momento que M. Leighton dá um grande salto na história. Por mais que tenhamos ideia do que estar para acontecer ao longo da história ela nos surpreende a cada segundo. A autora dita um ritmo simplesmente frenético e enlouquecedor à narrativa. 
O casal continua protagonizando cenas de muito desejo e paixão, mas agora, Cash e Olivia têm de se preocupar com coisas muito mais sérias. 

Se no primeiro volume a autora não se preocupou muito em destrinchar a vida pessoal de Cash e Olivia, neste segundo momento ela passa a aprofundá-los. O drama familiar que envolve os irmãos Davenport é algo que jamais poderíamos imaginar. Aliás, se existe algo que realmente me surpreendeu foi o rumo que a história tomou. A reação de Olivia é um dos grandes momentos da narrativa. O legal disso tudo é que mais uma vez a autora sustentou a narrativa em Olivia. Por mais que Cash tente impressionar é a vez de Olivia nos surpreender com sua garra e determinação. Olivia está longe de ser o modelo de mulher politicamente correta e, é por esse motivo que a personagem merece destaque. 

Cash continua roubando longos suspiros ao longo da narrativa. Porém, neste segundo momento, o personagem demonstra ainda mais seu lado romântico e faz com que desejássemos estar no lugar de Olivia ainda que a mocinha esteja enfrentando sérios problemas. 
Outros personagens surgem para fortalecer ainda mais a narrativa. Gavin Gibson, amigo e gerente da boate de Cash entra de sola para nos deixar ainda mais sem fôlego. Se você consegue imaginar um cara lindo e gostoso como Cash tente imaginar algo em dobro, só que um pouco mais rude. Assim como Cash, Gavin esconde muitos segredos do seu passado, mas somente Cash tem conhecimento e por esse motivo ele vem em seu auxílio. 

É comum neste tipo de narrativa os personagens principais terem algum desafeto ou até mesmo nenhuma proximidade com seus familiares e seguirem por toda a narrativa apresentando algum desequilíbrio emocional. Na maioria desses casos, os personagens reclamam demais ou ficam completamente alheios à realidade. Felizmente, M. Leighton não faz uso desse recurso. Olivia, por exemplo, nunca tivera um bom relacionamento com a mãe, mas ela nãofica se martiriza por isso, pelo contrário, ela toma rédea da situação. 

Num misto de sedução e muita adrenalina a história de Cash, Olivia e Nash rompe toda e qualquer ideia de previsibilidade. Do primeiro até o último parágrafo ficamos presos à narrativa prendendo a respiração a cada novo conflito. Triste é ter que aguardar o desfecho dessa história somente quando o terceiro e último livro da série for lançado. 

Em Só Depende de Mim os capítulos continuam a ser apresentados da mesma forma que o volume anterior sendo intercalados pela perspectiva de Olivia e Cash. A capa e a diagramação segue o mesmo padrão do primeiro volume. 
Agora, só nos resta aguardar ansiosamente pela conclusão da série para que possamos nos apaixonar ainda mais por Cash, Nash e toda sua trupe.



FICHA TÉCNICA
Título: Só Depende de Mim
Série: Bad Boys - Livro 2
Autora: M. Leighton
Editora: Record
Número de Páginas: 271
1a Edição / 2014

Você também pode gostar

3 comentários

  1. Oi amiga!
    Ai, to bem curiosa para ler esta série, parece ser bem do tipo de livro que eu gosto.
    Adorei sua resenha.

    Beijos*

    ResponderExcluir
  2. Oi Zilda, a autora tem uma escrita ótima mesmo, fiquei encantada com o primeiro, o livro conseguiu me prender e adorei, porém achei que não precisava ter uma continuação, mais a sua resenha me deu uma vontade de ler este livro... Sacanagem!! hehe Agora quero ler!!


    Beijos Mila
    http://www.dailyofbooks.blogspot.com.br/2014/04/resenha-entao-conheci-minha-irma.html

    ResponderExcluir
  3. Acabei de ver estes livros na livraria, achei as capas lindinhas.
    Andei dando uma fugida deste gênero, acho que andei cansando um pouco.
    Porém você tece tantos elogios e faz resenhas tão positivas, que até me convence.
    Legal demais!!

    Bjkas

    Lelê - http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita! Sua participação é muito importante.

SIGA-ME NO INSTAGRAM: @zildapeixoto