|Resenha| Profano - S.Miller

quinta-feira, janeiro 12, 2017




Uma vida dedicada ao sacerdócio...
Um encontro que irá mexer com estruturas e pensamentos anteriormente inflexíveis...
Uma paixão que irá colocar a vocação em xeque...
Após dez anos à serviço da Igreja, Padre Alessandro chega a um momento de sua vida em que começa a se questionar sobre seu ingresso e permanência na vida religiosa. Tomado pela culpa, devido às suas questões éticas e a um encontro libertino e furtivo, decide se isolar em uma viagem pelo mar, para colocar as emoções em ordem e descobrir o que realmente deseja. O que ele não contava, era que o destino lhe pregaria uma grande peça no teatro da vida: Eva, a volúpia em forma de mulher, cruzará o seu caminho de maneira devastadora, despertando desejos ocultos e desconhecidos, trazendo à tona o homem em seu estado mais primitivo.
Irá Padre Alessandro abandonar o seu chamado em nome das paixões e prazeres carnais?
Será a tentação tão grande ao ponto de ser impossível resistir? Será o amor capaz de transformar o pecado em sagrado?
Tudo é possível, ainda que seja PROFANO.



Esse é meu primeiro contato com a autora S.Miller e já posso dizer que ela conquistou uma vaga cativa na minha lista de melhores autoras nacionais. Conheci Profano por um mero acaso do destino. Como eu já disse anteriormente, depois que descobri o Kindle Unlimited minha vida mudou. Comecei a ler muitos mais e consequentemente, a conhecer novos autores.

Só pela capa eu já fiquei bem interessada e assim que tomei conhecimento que se tratava de um livro que tinha um padre como protagonista, tive certeza; eu tinha que ler esse livro.

Há um tempo atrás eu li um livro com a mesma temática e fiquei apaixonada (caso queira ler a resenha, clique aqui). Apesar de ser um livro maravilhoso, nada se compara à escrita de S.Miller. Que mulher incrível, que narrativa mais fabulosa. Escrever uma história tão impactante é para poucos, principalmente, se o protagonista for um padre que vive um conflito interno entre se entregar aos seus desejos mundanos ou seguir adiante com sua missão como padre.

Eu já adianto que se você têm alguma resistência com o tema, esse livro não é para você. Mas, se por um acaso, você aprecia histórias envolventes que levam à reflexões e questionamentos, você irá se refestelar com esse livro. Que fiquem bem claro que a autora não teve a intenção de polemizar ou denegrir a imagem da igreja. 

Padre Alessandro está passando por um momento muito difícil na sua vida. Ele jamais imaginara questionar sua vocação, pois desde cedo soubera que tornar-se padre era sua missão. Contudo, Padre Alessandro passa a questionar o celibato e a caridade e, isso acaba o perturbando profundamente. Como homem, ele sente desejos e vontades como qualquer outra pessoa mas, sua posição o impede que ele se entregue aos pecados mundanos. A vida de Padre Alessandro muda a partir do momento em que ele começa a trocar mensagens numa sala de bate-papo com o jovem Pedro.

"Cordeiro40 diz: Então, Pedro, você acha que todo mundo tem um armário?
Gale16 diz: Eu acho que todo mundo tem medo de mostrar quem realmente é. Aquele monstrinho que fica no fundo de tudo, sabe? Todo mundo tem um, faz parte do ser humano."

Padre Alessandro acaba cedendo aos seus instintos e têm sua primeira relação sexual. Não sabendo lidar com a culpa Padre Alessandro pede um tempo de férias à Igreja. Confuso, perturbado, Padre Alessandro sai em viagem de barco pela costa brasileira a fim de refletir sobre seus atos, desejos e sentimentos. Padre Alessandro quer se afastar de todo e qualquer coisa que o leve à cometer pecados tão libidinosos. O problema é que durante uma de suas paradas, ele conhece Eva, a mulher que o obrigará a enfrentar todos seus demônios. Será que Padre Alessandro será forte o suficiente e conseguirá resistir ao pecado? Preparem-se para pagar muita penitência porque não dá para pensar em outra coisa senão profanar muito com esse padre delícia. 

Estou encantada com a escrita da autora. Gostei da forma como os personagens foram desenvolvidos, como o lado humano do padre foi explorado e principalmente, como ela conseguiu desassociar a imagem de santidade que normalmente se têm de um padre, por mais que isso possa parecer contraditório. É justamente esse o ponto forte da narrativa. Eva é uma personagem inspiradora. Por todas as coisas que passou ao longo da vida é admirável sua força e perseverança.

“Para qualquer um que tenha se apaixonado profundamente, o profano é sagrado.”

Não conseguimos torcer o nariz para as escolhas de Padre Alessandro porque conseguimos compreender sua angústia e seus conflitos. A narrativa de S.Miller é crível, límpida. Na verdade, conseguimos nos conectar aos personagens justamente por considerar que o "dilema" de Padre Alessandro é muito mais comum do que imaginamos. 

Profano é um dos melhores livros eróticos que já li, pois ele foge completamente do estilo engessado tão comum presente nos livros do gênero. Só pelo fato de conter um protagonista padre já é de se admirar. Pode ser considerado aos olhos de muitos como polêmico, desafiador, mas eu prefiro o definir como libertador.
Padre Alessandro nos mostra seu lado humano revelando sua alma em toda sua essência. É disso que estamos falando, de um homem cujo propósito é amar.

“Aprendi tanto sobre o amor! Amar é liberte-se. É perseguir sonhos.”

Como estamos falando de um livro hot, é claro que sexo é a palavra-chave, mas como eu disse anteriormente, não é esse o mote principal da narrativa. Agora, preciso confessar uma coisa: que eu pirei nesse padre magia, ah...eu pirei. E o pior: na minha cabeça era Padre Fábio que povoava meus pensamentos mais pecaminosos. Ah! Senhor, perdoa essa pecadora! E o final do livro é simplesmente... Leiam. É demais!

Enfim, quero recomendar a todos os fãs do gênero esse livro maravilhoso e, para todos àqueles que estejam abertos ao novo.

Estão prontos para pecar?


Me acompanhe também nas redes sociais: 
Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob ♥ Google+




Título: Profano 
Autora: S. Miller 
Formato: Ebook 
Páginas: 198


Você também pode gostar

0 comentários

Obrigada pela visita! Sua participação é muito importante.

SIGA-ME NO INSTAGRAM: @zildapeixoto