|Resenha| Fãs do Impossível - Kate Scelsa @intrinseca

terça-feira, fevereiro 07, 2017


Fãs do impossível conta a história de três amigos, Mira, Sebby e Jeremy, em meio aos complexos conflitos da adolescência. Mesmo sentindo-se despedaçados, sem motivos para serem amados e tentando não sucumbir à solidão, os três lutam pela vida, cada um à sua maneira. Mira está começando em uma escola nova, depois de passar um tempo no hospital. Ela se sente insegura no novo ambiente e acha que não vai conseguir ficar longe de seu melhor amigo, Sebby, um garoto brincalhão que leva a vida com boas doses de mentira e bom humor, até que seu lado mais destrutivo vem à tona. Jeremy está retornando à antiga escola, depois de um tempo afastado por causa de um incidente traumático que arruinou seu ano letivo. Tímido e quieto, ele deseja se aproximar de Mira e Sebby. Juntos, contra todas as expectativas, eles vão viver o impossível. 


Toda vez que leio um livro com temas tão atuais como este fico pensando em quanto ainda precisamos evoluir como seres humanos. Como, em pleno século XXI, mesmo após tantos avanços tecnológicos, a sociedade retroceda tanto a respeito de certos valores. É tanta maldade e preconceito que fica difícil acreditar em uma mudança. Felizmente surgem pessoas diferentonas como Kate Scelsa oferecendo luz e esclarecimento com tanta leveza e naturalidade. 

Fãs do Impossível entrou na minha lista de leitura por mero acaso. No início não procurei nem saber muito a respeito, bastava saber que se tratava de um livro YA. Normalmente, eles nunca decepcionam. Pois bem, se eu tivesse ideia de quanto esse livro era incrível eu o teria lido há muito tempo. Uma história com personagens encantadores e uma narrativa de uma doçura e sensibilidade inigualáveis.

Provavelmente você já tenha lido algum livro YA que abordou assuntos como depressão, bullying e homofobia, e acredito que muitos irão dizer que é quase sempre tudo igual, mas antes de qualquer pré-julgamento quero alertá-los que Fãs do Impossível traz algo extremamente inovador. Kate têm uma escrita peculiar, um jeito único de narrar e cativar o leitor. Esse é daqueles livros que você para e pensa: esse livro vai mudar a minha vida.

Uma das coisas mais interessantes foi utilizar três vozes diferentes na narrativa. Percebemos isso quando ora lemos um capítulo em primeira pessoa, ora em segunda e outra em terceira pessoa. Confesso que levei certo tempo para me adaptar porque fiquei pensando na necessidade de se fazer tão diferente. A história é tão incrível que ela poderia narrar em aramaico que não faria a menor diferença. De qualquer maneira valeu o esforço.

Agora um dos pontos mais marcantes, sem sombra de dúvidas é a construção da amizade dos personagens. Livros que têm a amizade como tema principal já merecem todo o prestígio, pois não há nada mais valioso que esse sentimento. Mas livros que ainda explorem os dilemas vividos na adolescência com tanta propriedade, e que de alguma forma ensinam a lidar com alguns desses dilemas merecem ainda mais nossa atenção. Fãs do Impossível não têm nada de clichê, apesar de narrar situações comuns inerentes à uma fase tão complexa quanto a adolescência.

O livro conta a história de três adolescentes que estão passando por momentos bem difíceis. Jeremy ficou um ano longe da escola por conta de um acontecimento bem desagradável. Ao retornar à escola Jeremy decidi não falar com mais ninguém tornando-se um garoto apático, triste e solitário. Seu professor de inglês é o único a lhe ajudar, notando que Jeremy precisa de incentivo para recomeçar. Ele propõe a Jeremy que ele crie um clube de arte. O maior problema é que ele precisa reunir dez pessoas que se interessem pela atividade. Parece uma tarefa simples, mas para Jeremy é algo extremamente desafiador. Decidido a passar mais tempo longe da sala de aula e dos olhares maldosos dos colegas de classe Jeremy aceita o desafio e aborda Mira, a aluna nova que acabou de chegar na escola St.Francis.

Mira também passou por um problema muito difícil até chegar à St. Francis. Anteriormente Mira estudara em uma escola pública, agora seu novo desafio é se adaptar à nova escola e St. Francis está longe do que ela esperava encontrar. Mira é uma garota que vive totalmente fora dos padrões e isso acaba lhe afetando diretamente, já que ela não consegue corresponder as expectativas da própria família. 
Mira aceita participar do clube e de quebra leve seu melhor amigo Sebby, que não estuda na mesma escola e, até certo momento, não sabemos se ele frequenta alguma escola. Mira e Sebby se tornaram amigos inseparáveis desde a última internação de Mira. Desde então, eles passam a maior parte do tempo juntos.

É através do clube de artes que Jeremy, Mira e Sebby se aproximam. Todos estão passando por eventuais problemas que acabam os unindo ainda mais. Jeremy nunca se sentira tão próximo a alguém. Mira e Sebby têm uma grande participação na construção desse novo elo, mas é Sebby quem de fato se destaca, seja pelo seu comportamento ou pela maneira como encara a vida.

Sebby me conquistou já nos primeiros capítulos com seu jeito louco e descontraído. Sebby passou por um trauma enorme até conhecer Mira. Os dois acabam se tornando grandes amigos por conta de um acontecimento muito doloroso (é de partir o coração). 

Fãs do Impossível é um livro brilhante. Kate construiu uma história linda focada nos sentimentos conflitantes que todo jovem enfrenta na adolescência, de forma sensível e muito verdadeira. Já li muitos livros que abordaram temas como depressão e bullying, mas até hoje,  eu não havia lido algo tão crível e perturbador que me fez refletir por horas; isso tudo com uma linguagem simples, direta e muito objetiva. A história serve de alerta para todos que de alguma forma passaram por situações semelhantes.

É difícil descrevê-lo detalhadamente sem que algum spoiler seja "acidentalmente" revelado. A única coisa que posso ressaltar é que Fãs do Impossível entra para categoria dos livros fofos, diferentões e inusitados que todo mundo deve ler e ter na estante. Primeiramente, o leitor precisará se adaptar à narrativa. Os capítulos narrados por Jeremy são todos na primeira pessoa, os de Mira na segunda e Sebby na terceira. Ponto extra para a autora.

Eu fiquei louca e confesso que demorei certo tempo para me adaptar, mas uma coisa era certa: eu passava o tempo todo admirando cada detalhe, cada frase, cada acontecimento sem nem ao menos parar para respirar. Só fiquei um pouco decepcionada com o final que para mim ficou bem abaixo das expectativas, contudo isso não o tornou menos encantador.
E o que dizer da capa do livro? Simplesmente linda, uma belíssima ilustração que permite o leitor ter uma prévia de quanto esse livro é um amorzinho. Edição e revisão primorosa, Intrínseca sempre muito cuidadosa com suas publicações.

Fãs do Impossível é leitura obrigatória para todos os leitores, principalmente para os fãs de As vantagens de ser invisível que possui uma atmosfera bem parecida. Aos demais fica a recomendação de um dos melhores romances YA dos últimos tempos. Uma linda mensagem sobre superação e quebra de paradigmas. Uma verdadeira lição sobre amor, aceitação, lealdade, companheirismo e amizade para se levar para sempre em nossos corações. Levo uma das diversas mensagem implícitas ao longo da narrativa. Que sejamos verdadeiros com nossos sentimentos e que possamos nos orgulhar de quem somos respeitando o espaço e a individualidade de cada um. 





Me acompanhe também nas redes sociais: 
Facebook ♥ Twitter ♥ Instagram ♥ Skoob ♥ Google+




FICHA TÉCNICA
Título: Fãs do Impossível
Título Original: Fans of the Impossible Life
Autor(a): Kate Scelsa
Editora: Instrínseca
Ano: 2016
Páginas: 336

Você também pode gostar

2 comentários

  1. Fiquei super com vontade de ler esse livro, confesso que não conhecia, estava olhando o twitter e vi a sua resenha.
    Amo YA e amo as Vantagens de Ser Invisível, então acho que vou gostar.
    Sucesso ;*
    sistersgadani.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Nunca me interessei pela capa desse livro... Mas depois de ler sua resenha, estou louco para compra-lo! Confesso que venho me decepcionando com os lançamentos da Intrínseca, mas estou disposto á mergulhar em fãs do impossível. Parece tratar de um assunto essencial de um modo leve mas completo.

    Abração!
    http://lupiliteratus.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita! Sua participação é muito importante.

SIGA-ME NO INSTAGRAM: @zildapeixoto